O Padeiro otimista faz umas contas.

Roberto Pereira D´Araujo

Um padeiro, preocupado com a energia de seus fornos, resolveu, ele mesmo, fazer algumas contas simples. A partir de dados do Operador Nacional do Sistema, ele decidiu imaginar que o consumo dos próximos meses vai repetir os valores de 2020 até dezembro. (hoje 6/09/21)

Nos meses de 2022, até julho, vai usar a previsão do ONS, onde a carga vai crescer só 3%.

Para ver se o estoque de energia e as afluências desse período vão ser suficientes, primeiro, ele vai deduzir da carga, a geração nuclear que é praticamente constante.

Depois, vai descontar do consumo que sobra, a importação de energia, que segundo dados do ONS, é aproximadamente 7% da carga.

Depois o padeiro desconta da carga a geração das eólicas, que, ultimamente têm coberto 10% da carga.

Depois, sabendo que a crise hídrica é séria, ele assume que as térmicas vão atender cerca de 26% da carga, que foi o que ocorreu em 2014, outra séria crise. Ele lembra a todos que aqui está o tarifaço!

Ele sabe que o Brasil, apesar de ser um país ensolarado só aproveita uma energia equivalente a 2% da carga para gerar energia a partir de fotovoltaicas. Mas, é preciso considerar.

Bem essa última coluna (Carga – Nuclear – Importação – Eólicas – Térmicas – Solar) é o que sobrou para as afluências dos rios resolverem.

Como as autoridades pregam a tragédia para disfarçar a falta de investimento, a verdadeira causa do esvaziamento, quem olha os dados, vê que o ano de 2020 não assim foi tão ruim.

A região Sudeste e Centro-Oeste teve 82% da média histórica.

A região Nordeste teve 75% da média.

A região Norte teve 94% da média.

A região sul é que foi a pior, 52% da média.

Portanto, assumindo que essas afluências de 2020 vão se repetir, essa é a energia que os rios vão disponibilizar.

Qual é o estoque que temos no final de agosto, início de setembro? Cerca de 28% do estoque máximo.

Portanto, imaginando que esse estoque e afluências nas regiões podem ser transformados em energia preservando um mínimo de 5% de reserva, e, sendo otimista, não encontram limitações de transmissão, esse é o cenário da evolução do estoque.

A conta do padeiro é o que se pode fazer para avaliar o que teremos nos próximos meses.

Há várias suposições otimistas:

  • Funcionamento perfeito das nucleares.
  • Importação de energia cuidando de 7% da carga.
  • Térmicas atendendo 26% do consumo e provocando um grande tarifaço sem reações.
  • Suposição que a energia das regiões, tanto as afluências e a reserva, transitam sem limitações de transmissão.

Com todas essas suposições otimistas, o volume dos reservatórios pode atingir apenas 6% da reserva máxima em novembro!

Contas simples, “de padeiro”, que podem conter erros, mas que também inclui otimismos, deveriam assustar qualquer um. A situação é muito grave!!

Evidentemente, São Pedro pode surpreender e nos dar afluências maiores do que as supostas, mas, a conta de padeiro quer nos lembrar que:

  1. Crises parecidas à atual já ocorreram no histórico. A surpresa não se justifica.
  2. Uma “bondade” surpreendente de São Pedro não deve ser capaz de esconder a falta de investimento. Não se enganem!
  3. Vivemos o perigo de ficarmos sem a ferramenta de última instância, a Eletrobras.

  6 comentários para “O Padeiro otimista faz umas contas.

  1. Sérgio
    6 de setembro de 2021 at 18:16

    Muito boa Roberto essa explicação do Padeiro!

    Será que o Padeiro sabe da importância da Eletrobras???

    • Roberto D'Araujo
      6 de setembro de 2021 at 20:07

      Esse padeiro tem curiosidade. Não é igual a maioria dos “padeiros”. 🙂

  2. Renato Queiroz
    6 de setembro de 2021 at 20:52

    Roberto o padeiro que se cuide . O Guedes ,se calhar ,vende a padaria dele para ricos asiáticos amparado em alguma MP,aprovada pelo Congresso, que define que padarias tem que ser de capital estrangeiro

  3. Uriel
    7 de setembro de 2021 at 20:12

    Roberto, muito didático esse artigo, parabéns! Gostaria de sugerir que, conforme forem virando os meses e essas informações vão sendo atualizadas, que se tenha uma atualização também desse balanço. Obrigado!

    • Roberto D'Araujo
      8 de setembro de 2021 at 9:42

      Grato URIEL

      Vou tentar fazer isso.

  4. Fabio
    11 de setembro de 2021 at 23:36

    Muito bem explicado e bem humorado (na linha do “rir para não chorar”). Parabéns!

Deixe uma resposta para Sérgio Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *