Relatório – São Pedro

O ILUMINA recebeu o seguinte texto de um contato que se diz São Pedro.

Senhores gestores do setor elétrico brasileiro:

  • Já estou notando a mesma “lenga lenga” de 2001 tentando me culpar como causador de “secas terríveis”.
  • Por essa razão, venho, por meio desta, informar que minha performance de afluências transformadas em energia no sistema hidroelétrico de vocês é a que está no gráfico abaixo:

  • Aqui estão ordenados desde os mais secos anos até os mais úmidos.
  • O eixo vertical é medido em MW médios e mostra a energia natural mensal média de cada ano. Traduzindo, é a energia obtida caso as afluências fossem turbinadas.
  • Vocês podem turbinar ou guardar nos seus reservatórios. A decisão é de vocês e espero que estejam fazendo corretamente.

Um resumo dos meus últimos 8 anos seria o seguinte:

2009 – 117% da média.

2010 – 102% da média.

2011 – 119% da média.

2012 – 89% da média.

2013 – 100% da média.

2014 – 88% da média.

2015 – 93% da média.

2016 – 86 % da média.

Estão achando ruim? Que tal isso?

1950 – 90% da média.

1951 – 89% da média.

1952 – 88% da média.

1953 – 71% da média

1954 – 82% da média.

1955 – 74% da média.

1956 – 85% da média

1957 – 120% da média.

  • Estão reclamando de 2016? Pois informo que existem 12 anos piores que esse no seu histórico e nenhum é recente.
  • Não é que vou voltar ao passado para repetir os anos 50. Nada disso! Só estou dizendo que esses dados deveriam servir para mostrar o que pode acontecer. Vocês devem estar preparados!
  • Toda essa energia natural não depende só de mim! Vejam o que vocês estão fazendo com seus rios! Prestem atenção no rio do meu colega Francisco!!!
  • Não transformem uma benesse num “castigo” só para enganar seus consumidores!

Sem mais para o momento

Simão (mais conhecido como Pedro)

 

 

Compartilhe

      3 comentários para “Relatório – São Pedro

    1. José Antonio Feijó de Melo
      29 de março de 2017 at 16:52

      Roberto
      Mais uma vez quero lhe parabenizar pela sua excelente atuação como Advogado de São Pedro, pois a sua argumentação é justa e verdadeira. Assim, o Velhinho somente seria condenado caso tivesse de ser julgado por certos juízes atualmente em moda. Como não será este o caso, é absolvição certa.

      • Jose
        1 de abril de 2017 at 10:33

        Espero q ele (Pedro/Simao)não seja julgado por Moro e os seus, pois do contrário será condenado por tentar diminuir os problemas do trabalhador brasileiro.

    2. OLAVO CABRAL RAMOS FILHO
      30 de março de 2017 at 10:36

      Caro Simão Pedro,

      Conversei por aqui, entre torrentes de neutrons, com o chatíssimo Paulo de Tarsus. Todos sabem que eu sou o anjo bom, mas
      fui expulso do centro da galáxia por um tal de Deus .
      O gráfico e a lista de exemplos incluídos em seu artigo devem ajudar o entendimento dos brasileiros. Sobretudo aqueles mais obtusos , isto é, a maioria do membros das classes média alta e média média.
      De repente, não mais que de repente, olhando bem o gráfico, notei seis desagradáveis incidências de anos mais críticos recentes
      em 2010/2012/2013/2014/2015/2016. Você estaria operando para sacanear aqueles que não acreditam em mudanças climáticas ?

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *